21:01
1
Todos lutamos todos os dias
Para saber lidar com pequenas e simples coisas
Para saber viver a muitas que nao tem permanencia
Nem o desejo inato de uma simples peça

De um simples sorriso
Na magreza indesejada
Na insatisfação
Que nem ao pequeno entra

Dias e dias
Longos e duros
De frio e claro
La estao as pequenas criançãs
A lutarem contra a vida insata

Que nao mostra a dignidade
Que tras dor para os que lutam todos os dias
E por eles mesmo
Que nao sai de 24h deixando de respirar

Mas sempre tentam trazer um
Sorriso simples para satisazer
Nos corpos nus e frageis
Estao estampados

A maior dor
A maior fraquesa e dor so por uma pequena peça de roupa ou um simples alimento
Ali a olharem para o mundo alhei
Que a felecidade nao traz
Vendo pedir
Vendo a dor
Todo os atrai

Dignas crianças
Dignas mulher e homems
Que pecorreis mundos sãos
Que encontram o momento
Da partida em vao

Sim voces que estao ai sentados a olhar
para o mal olhado
E o passado de dor
olhai para estes e fazei alguma coisa
Digana da lialdade


 Muitas estrelas brilham la em cima mas o mundo tem de salvar e nao estar de maos atadas ......
Desones-to, fraco desorienta o pobre e unico poderoso que faz o nosso mundo caminhar de cabeça erguida
Ajudai quem tem de ser ajudado lutai pelo mundo pelo mundo melhor  :D

1 comentários:

- So dreaming ♥ disse...

Gostei do teu blog, vou seguir (:

*se quiseres passa pelo meu !